Sala Filipe – E Agora O Que É Que Eu Faço?”

A Sala do Filipe foi dos projectos mais fáceis de resolver a nível decorativo e um verdadeiro desafio a nível de Layout!
A verdade é que nenhuma empreitada deveria seguir em frente ser passar pela avaliação de um designer de interiores, mas passam e o resultado é o que vemos na casa do Filipe, uma sala onde se tem de sacrificar a zona de estar ou de jantar. No caso do Filipe optei por sacrificar a de Jantar, uma vez que ele gosta de receber e com uma boa área de estar pode receber muitas pessoas, se der jantares volantes, e a família em jantares sentados.
Esta foi a planta que mostrei ao Filipe, no canto onde ficou a maquina de jogos está representado apenas um cubo, que ele pensou que iria ser a arca que dividia o espaço do hall de entrada para a sala, e por isso não está representada ao lado do sofá, onde ficou a fazer de mesa de apoio. Afinal a maquina de jogos era surpresa!

Desde o primeiro dia que me cruzei com este papel de parede da Ralph Laurent que estava deserta para o usar, mas não imaginam como é difícil “vender” a ideia de espaços cinza com papeis cinza e encarnados.
Todos querem ter um espaço diferente mas quase ninguém arrisca deixa-nos criar. Neste caso até a produção parou e me perguntou se já tinha falado com o candidato quando lhes disse que ia pintar tudo de cinza, com excepção de uma parede onde ia colocar um papel. Mas o Filipe reagiu de forma inversa, disse-me que se achava que ia ficar bem para avançar e não colocou nenhum entravo. A única questão que se levantei foi o tom de cinza, que por segurança lhe levei uma amostra mais clara e a que queria usar. Mas nem aqui o Filipe jogou à defesa e entregou-me o projecto. Desde o início que disse que não percebia nada de decoração, que queria cores mas não as sabias coordenar e por isso pediu-me ajuda!
A única peça que não foi aprovada foi um dos tecidos que escolhi para as almofadas.

Disse-me que não gostava muito, que era “um bocado abichanado”. Verdade que era um tecido arrojado, não é comum ver-se um tecido de leopardo encarnado e amar, ainda para mais sem estar a almofada confeccionada. É um facto que é um bicho, mas não o considero assim tãoooo abichanado, e continuo a achar que ia trazer imensa personalidade ao espaço! Mas este espaço era para o Filipe, ele queria um espaço masculino e nunca lhe iria colocar um tecido que não aprovasse. ( O que não significa que um dia não o venha a ver algures num outro projecto, e nesse dia talvez olhe para ele com outros … ou não!)

O importante é que o Filipe aprovou basicamente tudo, deixou-me trabalhar o espaço e eu tirei partido do existente… que à primeira vista parecia ser nada mas na realidade tinha bastante!

A primeira coisa que me passou pela cabeça quando entrei neste espaço foi “E Agora O Que É Que Eu Faço… se o Filipe me diz que quer ficar com estes sofás?” Mas felizmente não disse! A segunda foi “E Agora O Que É Que Eu Faço a estes tijolos de vidro que não servem para nada ainda para mais num canto? Depois de pensar um pouco optei por criar uma janela falsa e aproveitar o recanto para deixar a estante existente, com os dossiês da contabilidade e burocracia que existe em todas as casas e não fica bonita numa sala!

Contou-me que a palete, que fazia de móvel de Tv, lhe tinha sido oferecida por um amigo, assim como as caixas da lenha/pinhas e o quadro que estava por cima da lareira. Felizmente todas as peças tinham imenso potencial, só precisavam ser destacadas para serem valorizadas, e foram estas mesmas peças, que tinham valor sentimental, que serviram de ponto de partida para todo o projecto.

Depois de fazer 6 Layouts diferentes, para ver o que resultava melhor aproveitando a lareira e sem quebrar o espaço, e da reunião com o Filipe para aprovar a proposta, (Atenção que não tenho estas rugas todas, e não falo com a boca de lado!), foi pôr mãos à obra!

Esvaziar tudo, pintar de cinza, receber a visita de irmã e da Tia que foram uma ajuda preciosa, e expulsa-los a meio. É giro perceber que mesmo sabendo de quase tudo o que se vai passar, ninguém consegue visualizar o resultado final.

Quis colocar uma cabeça de veado à séria mas não queria retirar da sala o presente de um amigo que o Filipe tanto gosta. Passei o quadro para a nova zona de refeições e na lareira ficou um carneiro, que entra lindamente com o espaço eclético da sala do Filipe e os veados não chegavam a tempo. Como o Filipe disse logo de início que não sabia coordenar cores nada como colocar um abat jour com um pantone!

O resultado final foi muito acima do que o Filipe tinha imaginado, o que para mim foi um alívio. Saiu daquela sala com as expectativas tão elevadas que cheguei a temer que ao voltar tivesse uma desilusão, mas não. O Filipe adorou, a irmã conteu-se para não chorar e ver tudo isto não poderia ser mais gratificante!

Para quem não teve oportunidade de ver na televisão pode ver o programa no site da SIC Mulher.

O meu trabalho é este há muitos anos, mas é faseado e feito para ontem. Com esta experiência aprendi que em televisão é sempre para antes de anteontem. Trabalhamos à velocidade da luz, não há tempo para alterações e nada pode falhar.  Se os puffs escolhidos estão esgotados não podemos esperar que o stock seja reposto, é substituir na hora por outros que fiquem igualmente bem, sem hesitações que o tempo não pára e só temos 2 dias para fazer tudo!

Ao contrário do meu dia a dia, na televisão, subo e desço escadotes 30 vezes de seguida para colocar uma lâmpada, porque querem fazer o plano X, ou porque subi muito rápido, ou porque o plano não ficou o ideal, isto em todos os programas, com todos os pares de sapatos para depois não usarem nenhuma dessas imagens e usarem uma das outras vinte a colocar uma prateleira, ou arrumar estantes. Bendito Tiago Caramujo que fotografou isto tudo e disponibilizou na fotogaleria do programa!
No meu dia a dia também não tenho esta gente toda para ajudar, não tenho a Bárbara para me dar 10 a 0 nas corridas da maquina de jogos e ainda se rir de mim, para me ajudar e acompanhar nas filmagens.
Na televisão é tudo mais rápido, mais duro e cansativo, mas com esta equipa é tudo muito mais divertido!

 

Spread the word. Share this post!